[…] jornal é como a vida,continua, continua sempre e a gente tem de ir virando as folhas, como se vira a folhinha de calendário cada dia, cada mês e cada ano. {Comício, 1952}

“É curiosa esta experiência de escrever, mais leve e para muitos eu escrevia “minhas coisas” para poucos.” {Jornal do Brasil, 1972}

Por: Clarisse Lispector.

Nosso dia 20!

Pictures1

E eu só queria te agradecer por ter reaparecido na minha vida. Por ter me convidado pra ir no cinema. Por toda aquela conversa tosca que tivemos que se resultou no nosso primeiro beijo. Pelas suas mãos geladas e pelo coração acelerado no nosso primeiro encontro. Por ter me convidado pra assistir Homem de Ferro. Por não ter se desgrudado de mim em nenhum segundo naquele cinema. Por ter desejado junto a mim, que aquele dia não terminasse nunca. Por ter feito com que eu me sentisse especial. Por dizer todos os dias que eu sou a coisa mais linda da sua vida!

Por sempre me encher de beijos, mimos, chamegos e carinhos. Por brigar comigo quando eu menos esperar e mais merecer. Por não me deixar desistir dos meus sonhos. Por me fazer confiar em você com um simples olhar. Por me ensinar todos os dias o verdadeiro valor e amor de Deus. Por confiar em mim. Por me amar do jeito que eu sou e me aceitar assim e brigar comigo quando digo que quero mudar algo no meu corpo.

Por me mostrar todos os dias que os nossos planos estão entrelaçados sim. Por dizer que já me imagina sendo mãe e ele pai. Por demonstrar ansiedade todas as vezes que eu sinto enjoou, porque a sua carinha de “será que é?!” é inigualável! Hahaha

Enfim, meu amor, obrigada pelos nossos 365 dias juntos! Você me faz feliz demais e eu sou grata a Deus por estarmos juntos.

Te amo muito! ♥ #feliz1ano #bodasdepapel

Tag: Amo/Odeio

Fui indicada pela Julia do blog Viver e Agradecer para responder a Tag Amo/Odeio. É a primeira vez que faço um post assim aqui neste blog, porque esse do wordpress eu decidi fazê-lo para ser o meu “diário”. O lugar que eu falo de amor, das minhas crises existenciais e etc. Mas eu gostei da tag e por isso resolvi responde-la aqui mesmo, obrigada Ju por me indicar! 🙂

As regras são simples:

– Dizer 10 coisas que ama e 10 coisas que odeia
– Indicar 10 blogs para responder a tag
– Colocar o selo da tag
– Link quem te indicou

tag-1

Amo:

1. Dormir
2. Acordar cedo e dormir cedo
3. Cinema
4. sorvete
5. Horácio, meu Ogro
6. céu, nuvens, sol, chuva
7. ouvir música
8. cães e gatos
9. tecnologia
10. viajar

Odeio:

1. Mentiras
2. Ignorância
3. Cobra, aranha, tubarão
4. Comida gordurosa
5. Pés gelados
6. Saudade
7. Dormir tarde e acordar tarde
8. Depender de alguém
9. Pessoas intrometidas
10. Ver animais sendo maltratados

Ao invés de indicar 10 blogs, vou deixar a tag em aberto e quem quiser responder em seu blog, fique a vontade! 😉

“Vire a página. Dê um ponto final nas coisas que te fazem mal. A vida é um círculo, não um quadrado.
Tenha pressa de ser feliz, porque nós não sabemos quanto tempo nos resta.”

– Pe. Fábio de Melo

Salmo 91

crianca-orando-375x280

“Aquele que habita o esconderijo do Altíssimo, à sombra do Onipotente descansará.

Direi do Senhor: Ele é o meu Deus, o meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.

Porque ele te livrará do laço do passarinheiro, e da peste perniciosa.

Ele te cobrirá com as suas penas, e debaixo das suas asas te confiarás; a sua verdade será o teu escudo e broquel.

Não terás medo do terror da noite nem da seta que voa de dia.

Nem da peste que anda na escuridão, nem da mortandade que assola ao meio-dia

Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas não chegará a ti.

Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios.

Porque tu, ó Senhor, és o meu refúgio. No Altíssimo fizeste a tua habitação.

Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda.

Porque aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos.

Eles te sustentarão nas mãos, para que não tropeces com o teu pé em pedra.

Pisarás o leão e a cobra; calcarás aos pés o filho do leão e da serpente.

Porquanto tão encarecidamente me amou, eu o livrarei; pô-lo-ei em retiro alto, porque conheceu o meu nome.

Ele me invocará, e eu lhe responderei; estarei com ele na angústia; dela o retirarei, e o glorificarei.

Fartá-lo-ei com longuras de dias, e lhe mostrarei a minha salvação.”

Não sabemos quando realmente precisamos nos aproximar de Deus, seja para pedir, agradecer ou simplesmente conversar. Aprendi com a minha mãe, que nós, em algum momento da nossa vida buscamos a Deus na dor ou no amor, e hoje eu preciso, sinto a necessidade de estar perto de Deus, para que Ele cure a minha dor.

Para muitas é bobagem, mas cada um sabe a dor e o amor que carrega dentro de si. Segui o sempre seguirei os conselhos da minha mãe, e hoje, ela me aconselhou a ler o Salmo 91. Como tudo que vem de Deus, nunca devemos esperar que os resultados ou respostas venham de imediato, por isso tenho paciência e peço muito que Ele me mostre quando Ele achar que eu posso e consigo enxergar tudo o que eu preciso.